Falhas na bobina de ignição: veja como fazer os testes adequados

Segunda parte : testando a bobina por resistência

O Brasil Mecânico desta edição continua com a segunda e última parte das dicas sobre diagnósticos da bobina de ignição. No mês passado, falamos sobre o primeiro método para descobrir os problemas que podem ocorrer nesse componente. Foi sugerido o teste de centelha das seguintes formas:

>> Desligue o veículo e abra o capô
>> Remova um cabo de vela do conector
>> Remova a vela usando uma chave de vela.
>> Prenda a vela ao cabo da vela novamente.
>> Encoste a parte rosqueada da vela a qualquer metal exposto do motor.
>> Tenha alguém para acionar o motor
>> Procure faíscas azuis
>> Faça a reinstalação

Agora, traremos a segunda opção de testes para você ter outra alternativa para fazer um diagnóstico mais rápido em sua oficina.

Método 2

Efetue um Teste de Resistência da Bobina de Ignição (“Banco de Provas”)

Remova a bobina e ignição do veículo. O teste acima não é a única forma de determinar se a bobina de ignição no seu veículo está funcionando como deveria. Se você tiver acesso a um equipamento elétrico chamado ohmímetro, que mede resistência elétrica, você pode medir a efetividade da sua bobina de ignição de forma definitiva e quantificada, ao invés da forma um tanto subjetiva descrita acima. No entanto, para começar o teste, você precisará remover a bobina de ignição do veículo para que assim você possa acessar facilmente os terminais elétricos.

Verifique o manual do carro para instruções precisas sobre como remover sua bobina de ignição. Geralmente, você precisará desconectá-la do cabo do distribuidor, então desparafusá-la da sua base com uma chave. Certifique-se de que seu veículo está desligado antes de começar esse processo.

Encontre as especificações de resistência da sua bobina de ignição. A bobina de ignição de cada veículo tem suas próprias especificações em termos de resistência elétrica dentro da bobina. Se os níveis de resistência reais da bobina caem para fora dessas especificações, você saberá que sua bobina está estragada. Geralmente, você será capaz de encontrar as especificações de resistência do seu veículo ao consultar o manual do veículo. No entanto, se não conseguir encontrá-las aí, você pode ter sucesso ao contatar seu revendedor ou ao pesquisar on-line.Sensor Ignição 79547Falando de modo geral, a maioria das bobinas automotivas terão uma leitura de bobina de aproximadamente 7,500 – 10,500 ohms para a bobina secundária.

Posicione os terminais do ohmímetro sobre os pólos da bobina primária. O distribuidor terá três contatos elétricos – dois de cada lado e um no meio. Eles podem ser tanto externos (salientes) ou internos (afundados) – isso não faz diferença. Ligue seu ohmímetro e encoste um terminal a cada um dos contatos de saídas elétricas. Anote a leitura de resistência – essa é a resistência da “parte primária” da bobina.

Note que alguns modelos mais novos de bobina de ignição têm configurações de contato que diferem dessa organização tradicional. Consulte o manual do veículo para informações caso esteja inseguro sobre quais contatos correspondem à bobina primária.

Posicione os terminais do ohmímetro sobre os polos da bobina secundária. Depois, mantenha um terminal sobre um dos contatos de saída e encoste o outro ao contato de entrada, central da bobina de ignição (onde o cabo principal se conecta ao distribuidor). Anote a leitura da resistência – essa é a resistência da “parte secundária” da bobina.

Verifique se as leituras que anotou estão dentro das especificações do seu veículo. As bobinas de ignição são componentes delicados de um sistema elétrico do veículo. Se a parte primária ou secundária estiverem, mesmo que um pouco, fora das especificações do seu veículo, você terá que trocar a bobina de ignição, já que a atual está estragada ou com mau-funcionamento.

Dicas

Se você não vir faíscas, confira a saída em um ohmímetro ou voltímetro. A bobina primária deve produzir leituras entre 0,7 e 1,7 ohms.

Materiais Necessários
>> Ferramentas (incluindo a chave de vela)
>> Chave de fenda
>> Alicate com isolamento
>> Vela
>> Cabo
>> Chave da ignição
>> Ohmímetro ou multímetro com função resistência (para o teste de resistência)

Fechado para comentários.