Dicas práticas para gestão de estoque

A Gestão de estoque é uma parte crítica de quase todos os negócios. Sua gestão implica características específicas que variam de ramo para ramo e sua eficiência está diretamente ligada a resultados melhores. O gerenciamento dos itens e sua organização implicam em etapas do funcionamento da empresa que vão desde a manutenção do espaço físico até o fluxo de caixa.

Pensando nessa necessidade, buscamos, junto à Chiptronic, dicas sobre gestão de estoque de oficinas.
Veja as principais dica

No caso desses segmentos, particularmente, essa gestão deve assegurar a disponibilidade das peças de maior saída, agilizando a prestação de serviços e garantindo uma experiência melhor aos clientes.

Quer saber como a gestão de estoque da sua oficina pode atingir esses resultados de maneira fácil e prática? Então fique ligado nessas 4 dicas que preparamos para te ajudar nessa tarefa!

Identifique o fluxo de entrada e saída de produtos

A função do estoque de uma oficina mecânica é armazenar os produtos necessários para que os serviços sejam prestados com a maior agilidade possível. Desse modo, é preciso identificar as peças e produtos que têm mais saída e, portanto, devem ser estocados em maior quantidade.

Essa decisão poderá depender de algumas particularidades de cada oficina, como a sua demanda e as especialidades de serviço oferecidas. Com base nessas informações, é possível saber quais itens não podem faltar no seu estoque e quais não valem a pena armazenar dessa maneira.

Automatize a gestão de estoque

Os problemas mais comuns envolvendo uma gestão de estoque dizem respeito à falta de controle sobre os itens armazenados. As chances desse tipo de situação ocorrer aumentam quando esse monitoramento é feito de maneira manual.

A solução ideal para minimizar e, até mesmo, eliminar as divergências no estoque é contar com um sistema automatizado de gestão. Essa ferramenta é capaz de controlar a quantidade de peças em estoque, informar as que precisam ser repostas, cadastrar fornecedores e elaborar relatórios operacionais.

Com todas as informações importantes organizadas em um único lugar e sendo acessadas de maneira rápida, a gestão de estoque se tornará uma tarefa muito mais simples no dia a dia da sua oficina mecânica.

Desenvolva um bom relacionamento com os fornecedores

Quando falamos em estoque, não podemos deixar de nos lembrar dos fornecedores que o abastecerão a sua empresa. Por isso, a fim de garantir a qualidade e a pontualidade na reposição das peças, é fundamental que o gestor desenvolva um bom relacionamento com esses parceiros comerciais.

Para escolher bons fornecedores, a dica é fazer uma pesquisa aprofundada sobre cada empresa, procurando por avaliações e opiniões de outros clientes. Analise também se a qualidade, as garantias oferecidas, prazos e valores estão de acordo com a realidade do seu negócio.

Com uma relação mais estreita com os fornecedores, você reduz riscos de ter que lidar com o desabastecimento no estoque e da utilização de peças de má qualidade, o que interfere diretamente na reputação da sua própria oficina.

Forneça treinamento adequado para sua equipe

Em uma oficina mecânica, dificilmente uma única pessoa ficará responsável pelas movimentações no estoque. Por isso, para que todos os processos sejam seguidos nesse setor, é imprescindível que seja fornecido treinamento aos colaboradores.

Além de reuniões presenciais, é importante afixar as regras de utilização do estoque em locais visíveis a esses funcionários, além de fazer a devida comunicação sempre que alguma diretriz for alterada. Dessa forma, você garante que todos os procedimentos serão seguidos e mantém o estoque da sua oficina sob controle.

Fonte: Chiptronic

http://chiptronic.com.br/site/br/pesquisar

One thought on “Dicas práticas para gestão de estoque

Fechado para comentários.