Registro Nacional de Veículos (Renave) se expande pelo Brasil

O RENAVE, Registro Nacional de Veículos em Estoque, consiste em um conjunto de informações e operações eletrônicas oficiais de Governo, que habilita o estabelecimento a controlar a entrada e saída de veículos dos estabelecimentos/revendas, através do registro em livro eletrônico, atendendo aos requisitos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Cronograma de operação do sistema está sendo mantido e vários estados já têm o mesmo em funcionamento

A FENAUTO, Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores, junto com a ANFAVEA e FENABRAVE, tem atuado fortemente para a expansão do Projeto RENAVE, por todo o país.

O Sistema RENAVE – Registro Nacional de Veículos em Estoque já foi implantado no estado de Santa Catarina, em 2019 e, nos estados de Mato Grosso do Sul, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, São Paulo e Goiás também já está em fase avançada de preparação. 

Agora, em novembro de 2020, a adesão ao RENAVE deve acontecer pelos demais Estados da Federação, quando o DENATRAN estabelecerá, junto aos DETRANs, um cronograma apropriado.

Poderão se valer do Sistema RENAVE as empresas Jurídicas que atuam no segmento de comercialização de veículo, novos ou usados, obtendo, com ele, a segurança e sincronia com as informações de Governo, redução da burocracia e tempo total para transferência de propriedade do veículo, validação automática de notas fiscais do processo de compra e venda, emissão das modernas versões digitais dos documentos CRV e CRLV.

Registro Nacional de Veículos

Para que lojistas de veículos multimarcas se inteirem sobre os benefícios e vantagens do RENAVE, e como ele deverá funcionar, a FENAUTO estará fornecendo informações periodicamente por seus diversos canais de interação com o mercado.